Hospital INC - Instituto de Neurologia de Curitiba

Infusão de imunoglobulina Humana

O QUE É IMUNOGLOBULINA HUMANA?
É o produto formado a partir dos anticorpos retirados do sangue de doadores. O plasma doado é filtrado várias vezes para a remoção das impurezas. O mecanismo de ação é a inibição da ação dos anticorpos que estão causando a doença no paciente, tendo efeito imunomodulador.
A Imunoglobulina Humana pode ser usada na Polineuropatia inflamatória desmielinizante crônica (CIDP ou PDIC), Síndrome de Guillain-Barrè, Miastenia Gravis, Síndrome da Pessoa rígida, entre outras.

É NECESSÁRIO AGENDAR?
Sim, geralmente realizada em regime de internação.

É NECESSÁRIO ALGUM PEDIDO OU GUIA?
Sim, o paciente deve liberar as guias de solicitação junto ao convênio.

PRECISO DE ALGUM CUIDADO ESPECÍFICO PARA A INFUSÃO?
O paciente deve esperar 3 meses após a infusão para vacinação com vacinas constituídas por vírus vivos atenuados (sarampo, rubéola, caxumba e varicela), pois a imunoglobulina inativa essas vacinas.

COMO SERÁ REALIZADA A INFUSÃO?
Através de infusão endovenosa sequencial dos frascos de imunoglobulina. Em média são infundidos 5 frascos ao dia, com duração de 1 hora cada frasco. Em geral a infusão dura 5 dias, já que a dose é calculada conforme o peso do paciente.

QUAIS OS EFEITOS COLATERAIS?
Dores difusas, náusea, vômito, calafrio, febre, mal-estar, fadiga, sensação de fraqueza ou leve tontura, cefaleia, urticária, eritema e dispneia.